Resenha: Eragon – Christopher Paolini

ERAGON_1299874224P    Título: Eragon

    Autor: Christopher Paolini

    Páginas: 465

    Editora: Rocco

    Ano de Lançamento: 2003

__________________________________________

    Sinopse: “Eragon é o romance de estreia de Christopher Paolini, uma história repleta de ação, perigosos vilões e locais fantásticos. Com dragões e elfos, cavaleiros, lutas de espadas, inesperadas revelações e, claro, uma linda donzela que é muito bem capaz de cuidar de si própria. O protagonista, de quinze anos, é um pacato rapaz do campo, que ao encontrar na floresta uma pedra azul polida, se vê da noite para o dia no meio de uma disputa pelo poder do Império, na qual ele é peça principal.”

_________________________________________________________________

    O gênero de fantasia épica é bastante popular. Histórias como O Senhor dos Anéis, As Crônicas de Nárnia e também, a muito famosa atualmente, As Crônicas de Gelo e Fogo, sempre deslumbraram a imaginações de milhares de leitores. Mas outra saga de fantasia muito emocionante e muito bem escrita, terá o destaque por aqui hoje. O Ciclo A Herança do escritor americano Christopher Paolini faz jus a esse gênero tão apreciado, construindo seu próprio e rico universo fantástico que tem seu início no livro Eragon.

   “O Vento uiva pela noite trazendo consigo um aroma capaz de mudar o mundo.”

   A historia se passa no continente fictício chamado Alagaësia. A antiga Ordem dos Cavaleiros de Dragão, que mantinha a paz e a segurança de todo o reino, foi extinta pelo terrível traidor Galbatorix e seus 13 Cavaleiros Renegados. Galbatorix agora domina todo o Império com mão de ferro.

Christopher_Paolini_-_Lucca_Comics_and_Games_2012

Christopher Paolini

Um jovem simples do campo, Eragon, encontra durante uma caçada uma pedra azul brilhante. Mal sabia ele que aquilo iria mudar o seu destino.

Ele descobre que a pedra na verdade é um ovo de dragão e que ele está prestes a fazer ressurgir novamente os Cavaleiros de Dragão. O início do livro pode ser até um pouco clichê e maçante, mas a descoberta do ovo e o nascimento do dragão Saphira dão um novo e empolgante rumo para a narrativa. Eragon e Saphira criam um elo mental, uma forma de se comunicarem pelos seus pensamentos e transmitirem um ao outro suas emoções, o que é uma das coisa mais originais e bem desenvolvidas no livro. Juntos, eles partem numa jornada para salvar Alagaësia.

Logo no começo, além dos já mencionados acontecimentos, a mão do Império já se revela através de umas das principais ameças do livro, os monstros Ra’zac, que cometem atrocidades com a família de Eragon. Isso o incita a partir no encalço dos Ra’zac atras de vingança, deixando o seu pequeno povoado, Carvahall. Um dos personagens mais interessantes da narrativa o acompanha, Brom, o contador de historias do povoado, que demonstra ser grande conhecedor dos dragões e que se torna mentor e professor de Eragon.

Como o livro é relativamente longo, a narrativa fica um pouco monótona perto do meio, o que é um dos pontos negativos do livro, mas é importante para descrever o aprendizado de Eragon na magia e na luta com espadas. O livro a partir daí fica bem empolgante, com várias lutas, perseguições, voos e ferimentos. Vários personagens interessantes são apresentados no decorrer da viagem, como a herbolária Ângela, Jeod, e o misterioso Murtagh (que tem uma importante função no decorrer da série), a bela elfa Arya e o principal vilão desse livro, o espectro Durza.

A descrição geográfica feita por Paolini é perfeita. Desertos, montanhas, vales, cidades são muito bem descritas. Não só os cenários mas também as diversas raças do continente, como os anões, os elfos e os terríveis Urgals.

Existem muitas surpresas na trama e excelentes cenas de ação e grandes. O relacionamento entre Eragon e Saphira é muito bem desenvolvido. A maneira com que o autor explica a História da Alagaësia e como funciona a magia são até bem lógicas. O desfecho na Batalha de Farthen Dûr é muito emocionante. O final deixa o leitor extremamente ansioso pela continuação.

Esse livro com certeza dá um brilhante início a uma maravilhosa saga de fantasia.O leitor vai se emocionar com essa emocionante viagem. Vale muito a pena conferir esse livro, embora eu faça um alerta para a adaptação cinematográfica que ficou bem mal feita e não chega aos pés dessa obra. Logo teremos resenhas dos outros três livros do Ciclo. Boa leitura.

Saphira-Reloaded-eragon-6347423-1680-1050

    Nota: 8,5/10

     Espero que vocês tenham gostado da resenha. Nos comentários você pode colocar sua opinião sobre a resenha, diga se gostou ou não gostou, diga o que você acha que possa melhorar, alguma sugestão para uma próxima resenha, uma crítica, uma bronca, algo construtivo para podermos melhorar o blog. Obrigado por lerem. Até logo.

Filipe Faria

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s